Jump emagrece? Essa é uma pergunta importante para quem quer começar esse treino porque uma das principais metas fitness é perder peso.

Veja nesse post que emagrecer está na lista dos benefícios do jump. Entenda aqui por que esse treino é importante para esse objetivo.

Como usar o jump para emagrecer?

Para quem não sabe, jump significa pular, então, os treinos dessa prática fitness vão consistir exatamente nessa ação.

Esse exercício aeróbico é de alta intensidade e vai permitir uma grande queima calórica em uma aula que consiste em pular sobre um mini trampolim. Durante um treino de jump para emagrecer, os alunos vão realizar saltos em movimentos diversificados e com intensidades alternadas, que incluem também aquecimento e relaxamento.

As aulas são em grupo, contam com trilha musical e são bastante animadas por instrutores para estimular os movimentos dos alunos. No Jump para emagrecer, muitas vezes, são praticadas corridas no mesmo lugar e até algumas coreografias. As aulas costumam ter até 60 minutos, mas existem opções de 30 e 45 minutos.

Além de ser bastante divertido, esse treino traz também vantagens como:

  • Aumento da capacidade cardiorrespiratória;
  • Ganho de resistência;
  • Fortalecimento dos ossos;
  • Garante mais energia para o dia;
  • Fortalece músculos inferiores;
  • Melhoria da capacidade pulmonar;
  • Melhora a coordenação motora;
  • Melhora o retorno venoso;
  • Relaxamento da musculatura;
  • Redução do estresse.

Por que fazer jump emagrece?

Os movimentos bastante intensos e rápidos de uma aula de jump emagrece porque estimulam uma contração de músculos do abdômen, quadríceps e glúteos, que vai comprimir os vasos linfáticos. Essa compressão vai resultar na eliminação de gorduras e toxinas.

Dependendo da intensidade que o aluno faz os exercícios, em uma aula podem ser gastas 600 calorias ou mais.

Aumento da frequência cardíaca

Mas não se engane, apesar de ser bastante divertido, pular acelera muito o ritmo cardíaco e promove um grande gasto de energia. Quando realiza exercícios de alta intensidade como o jump, o corpo busca uma necessidade de equilíbrio após os exercícios e continua promovendo uma queima calórica.

Os exercícios no jump emagrecem porque os professores irão montar treinos que promovem picos altos e baixos de frequência cardíaca, o que vai contribuir para a queima calórica mesmo após o fim da aula.

Nos níveis de treinamento do jump, uma pessoa pode atingir até 180 batimentos cardíacos, o que é normal para alguém na faixa de 20 anos.  Porém, é preciso ficar de olho para não superar os limites do próprio corpo.

Jump emagrece barriga

Além disso, o jump permite redução do abdômen porque certos exercícios, como aqueles que exigem mais força dos membros inferiores, ajudam na redução do inchaço e gordura localizada nesta região do corpo.

O exercício de jump emagrece também o abdômen porque a força exigida para se manter equilibrado no trampolim vai trabalhar essa região.

Jump combate celulite

Outra vantagem dos exercícios para emagrecer com jump é que também ajudam na redução da celulite, porque os movimentos ativam o sistema linfático e as aulas funcionam como uma drenagem natural.

O que emagrece mais jump ou musculação?

Quando o objetivo do praticante é emagrecer, é interessante combinar exercícios aeróbicos, como o jump; com os anaeróbicos, como a musculação. Durante a pausa dos exercícios de musculação, o grupo muscular trabalhado começa a ser reconstruído e nesse processo há queima calórica.

Os exercícios anaeróbicos costumam ter alta intensidade e curta duração.

Com a combinação dos aeróbicos e os anaeróbicos, a resistência cardiorrespiratória será muito beneficiada, além de ocorrer uma grande aceleração do metabolismo.

Outra vantagem de combinar os treinos é que a musculação também potencializa a tonificação e definição dos músculos já trabalhados no jump, ou seja, pernas, abdômen e glúteos tendem a ficar durinhos.

Jump emagrece em quanto tempo?

Jump emagrece quantos quilos por semana? Em quanto tempo dá para notar resultados? Essas são perguntas comuns entre as pessoas que querem investir nesse treinamento.

Porém, não há uma resposta única, a perda de peso será diferente para cada pessoa, porque depende de vários fatores, como tempo de treino e, inclusive, investir em uma alimentação balanceada.

Mas depoimentos de pessoas que emagreceram fazendo jump demonstram que em cerca de 1 mês já é possível ver resultados.

Outra pergunta comum é “Quantas vezes por semana devo fazer jump para emagrecer”. Combinando dieta e outros treinos como musculação, o ideal é praticar jump de 2 a 3 vezes na semana se o objetivo é perder peso. 

Fique atento a alguns cuidados necessários

Pelos movimentos intensos e rápidos, a aula de jump pode ser contraindicado para algumas pessoas, como:

  • Grávidas;
  • Pessoas que têm lesões crônicas e com inflamações nas articulações, seja joelho, tornozelo, ou coluna;
  • Cardiopatas;
  • Quem tem labirintite;

Por isso, antes de iniciar esse treino, o mais aconselhável é buscar uma autorização médica.

Outro ponto importante é ficar bastante atento às instruções do professor, ganhar familiaridade com o mini trampolim antes de praticar os exercícios, fazer os exercícios no seu próprio ritmo e usar tênis adequado, de solado liso.

Tenha um experiência Cia Athletica

Deixe um comentário

Digite seu comentário
Por favor, digite seu nome